1ª parte do “Grande trilho da Falésia do Risco”

Imagens e informações sobre parte de um percurso que percorre a falésia da Serra do Risco (a mais alta de Portugal continental) até à praia dos Penedos. A marcação do percurso foi feita em 21 e 22 de Dezembro com a cadelinha Mina e pernoitámos no Cozinhadouro, ao pé de umas casas piscatórias. O objectivo é fazer um circuito circular faltando ainda marcar o regresso até Pedreiras, localidade onde começa o percurso.

This slideshow requires JavaScript.

Percurso (incompleto):

Pode-se começar em dois locais. Na estrada que desce para Sesimbra a Sul ou então na localidade de Pedreiras que foi o meu caso. Segui pelo lado oeste da pedreira e contornei-a até apanhar um caminho que vai directamente para a falésia. É aqui que começa o trilho. O trilho muito estreito e longo segue sempre ao longo da falésia até uma escarpa com vista para a bacia da praia dos Penedos. No inicio do trilho a vegetação por vezes é densa e típica da flora da Arrábida mas quando se chega à zona da escarpa, a vegetação é de pinheiros e o terreno um misto de areia com pedras. Aqui começa-se a descer  por um caminho de areia pela direita até ao mar, onde se encontram umas casas piscatórias, o Cozinhadouro. Daqui, local onde passei a noite com a fiel cadelinha Mina, segue-se sempre junto à falésia, fora de trilho, até se chegar à praia dos penedos onde tem uma grande pedra por baixo de uma pequena falha na falésia. Por esta falha, depois de pedir gentilmente à Mina que me esperasse cá em baixo, subi a falésia até ao cimo. Um troço sem trilho extraordinário, difícil, com muita vegetação e inclinação acentuada. Depois de subir não pude continuar dado que a Mina não conseguia subir, voltei para Pedreiras pelo mesmo caminho por onde desci. Para terminar o trilho falta a ligação da serra do risco até Pedreiras pelo lado Este da pedreira, algo que não levanta problemas de maior, mas que mesmo assim ainda me falta fazer.

Dificuldade:

Média (sem contar com a subida da falésia pela praia dos penedos). Encontram-se alguns troços com degraus de pedra que apresentam alguma dificuldade. O início do caminho da falésia por ser muito estreito pode ser um pouco perigoso nalguns troços.

A principal dificuldade é a extensão do percurso que à vinda é uma grande e lenta subida até acima. Pode ser feito num dia sem problema de maior.

Distancia: 

10km, ir e vir até Pedreiras.

Concelhos: Boa preparação física, calçado apropriado, muita água e alguma comida são essenciais.

Para mais informações Contactem-me!

Coloquei uma cache que podem ver informações aqui:

http://www.geocaching.com/seek/cache_details.aspx?guid=322f04ad-8c17-47d3-a047-d656972489ea

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s