Menu Fechar

Portugal 2017 – 2ª etapa Plsp – de Melides ao Algarve (162kms)

Aproveitando o 2º fds prolongado de Dezembro lá fomos nós continuar a volta a Portugal. 5 jipes, arrancámos da praia de Melides em direcção à albufeira de Morgavel. É sempre tentador descer a Costa de Vicentina junto à costa, mas além de já ser zona conhecida, é mais difícil conseguir um percurso sem apanhar alcatrão. Assim, seguimos sempre pelo interior em direcção a uma cascata pouco comum na zona de Vila Nova de Mil Fontes. Dada a altura do ano, ninguém se encontra naquele fabuloso local o que permitiu um acampamento especial. (more…)

Memórias TT: Marrocos 2010 – de Merzouga a Foum Zguid (600kms)

Agosto de 2010, a estreia do Jimny em Marrocos, sozinho, sem Toys nem Mitsus, nas pistas do sul entre as duas maiores dunas de Marrocos. Foram 600 kms de 46º de dia e 37º à noite onde, como seria de esperar do pequeno japonês, esteve à altura dos mais crescidos. Apesar dos marroquinos com os seus KZJs insistentemente tentarem dissuadir a nossa passagem pelas zonas de areia, quem conhece o Jimny sabe do quanto este pequeno gigante é capaz. Ainda andámos meio perdidos no Erg Chigaga e acabámos por dormir com guardas dos “animais”, como eles diziam, que andavam a…

Portugal 2017 – 1ª etapa Plsp – de Trafaria a Melides (151kms)

 Começámos com 5 jipes na Trafaria e mais um que se juntou na Costa da Caparica. No primeiro dia percorremos a mais que conhecida margem sul começando pela falésia da Costa da Caparica, depois Apostiça e seguidamente Arrábida até Setúbal. Percurso bem conhecido e diversificado com passagens maravilhosas como a Arriba Fossil e o Parque Natural da Arrábida. Sem grandes dificuldades, chegado a Setúbal apanhámos o ferry para Tróia e seguimos para a Comporta por estrada. Foi altura de sair da estrada para nunca mais voltar. O sol já se punha ao longe, era tempo de arranjar um local de…

Memórias TT – Espanha 2010 – da Malcata a Béjar (285kms)

Era Dezembro, estávamos em 2010 e já há uns tempos que queria fazer as serras espanholas que delimitam as terras frias das quentes. E assim foi, sozinho no Jimny em total autonomia, com a cadela Mina em direcção a Gredos. Um percurso fácil, sem grandes dificuldades (para Jimnys…) onde a beleza da paisagem com os tons de castanho e verde característicos da região nesta altura do ano, foram a grande surpresa do percurso. Ficou na memória um acampamento junto a um rio serpenteando por entre os montes e um dos caminhos mais interessantes por onde já  passei, num planalto junto…

Primeira caminhada do Miguel

Já à algum tempo que não fazíamos uma caminhada e não sabíamos qual seria a reacção do Miguel a andar tanto tempo na cadeirinha. E bem, foi negativa! Sabia que mais tarde ou mais cedo ele iria querer caminhar mas não esperava que fosse tão cedo, aos 2 anos… E assim foi, depois de algumas birras na travessia da Serra de São Luís, lá tivemos que o pôr a caminhar connosco nos últimos três kms pela Serra do Louro até Palmela. Foi a primeira de muitas mais que estão para vir.  

TT invernal na Serra da Estrela

Mais uma etapa do Lisboa Istambul e desta vez com o objectivo de apanhar a Serra da Estrela com neve. Missão mais do que cumprida. Aliás, foi talvez o mais extraordinário passeio todo-terreno que fiz em Portugal. Começámos no Piodão e subimos a serra pelo lado do Sabugueiro em direcção às Penhas Douradas. Apesar de grande parte do percurso ser conhecido, a neve transformou por completo a paisagem e a progressão. Tivemos a sorte (ou a coragem…), de ser os primeiros a passar depois do nevão em grande parte dos caminhos, o que tornou a progressão mais lenta e cautelosa.…

Um passeio pelo oriente, pela história e pelo pinhal

Para o fim do ano 2016 ficou reservado um passeio pela zona centro por cinco locais aqui tão perto e muito interessantes. O Buddha Eden, um jardim oriental no Bombarral de 35 hectares com réplicas de budas, pagodes e estátuas de terracota; Mosteiro da Batalha e o Convento de Cristo onde provavelmente todos nós já fomos, nem que tenha sido em criança pela escola, mas que vistos como adulto são realmente monumentos impressionantes; Pinhal de Leiria, enorme mata de pinheiros, com  grandes extensões de areia que podem ser um pesadelo para jipes. Foi aqui que fizemos o último acampamento selvagem do ano; e a Ponte Filipina junto à barragem do…